terça-feira, 4 de abril de 2017

Canoa Dos Meus Pensamentos

Canoa Dos Meus Pensamentos
**
Da meia lua fiz uma canoa,
Enfeitei-a com estrelinhas,
Sem remos, sem velas, sem proa,
Com o pensamento, fiz as ondinhas.
**
Fiz-me ao mar, à deriva,
Sem pensar, o quão seria trágico,
A noite tornou-se azul, como uma diva,
 Sentado na canoa...senti-me um mágico.
**
O mar bailava como um lençol,
Flutuava tal e qual como o cetim,
No horizonte surgiu um lindo farol,
Fragmentos de estrelas caíam sobre mim.
**
E então, choveram, choveram siscos
Pontinhos de luz no meu coração,
Eram as estrelas aos namoricos,
Saindo da minha varinha de condão.
**
Cristina Maria Ivens Duarte-31-03-2017


Sem comentários: