sábado, 10 de dezembro de 2016

Sonhos

Amor meu!
Sempre que possa, sonharei consigo,
Terei você mais perto de mim,
Não me sentirei uma sem abrigo,
Pois Deus só me permite, amá-lo assim.

Será a minha luz, em dias tristes,
Na minha amarga, e dolorosa solidão,
Faz-me pensar que o amor ainda existe,
E me conforta tanto o coração.

Em sonhos, posso lhe dizer que o amo,
Mas acordada, me sinto um pouco inibida,
Será um amor que nós idealizamos,
Até ao fim das nossas vidas.

Cristina Maria Ivens

1 comentário:

Eduardo Samuel Ferreira disse...

Beleza de trabalho minha amiga!