domingo, 11 de dezembro de 2016

As tuas mãos...nas minhas

Eu só queria sentir as tuas mãos, nas minhas,
Como um espírito, cheio de amor e saudade,
Então me preencherias de felicidade,
Ao doares-me coisas tuas tão pequeninas.
*
Ah...aí ia ter a certeza do nosso destino,
Desvendava o que diziam as nossas linhas,
Unia as tuas mãos com as minhas,
E flores, se espalhariam pelo caminho.
*
Cada pétala, seria um beijo teu,
 O teu corpo se encostaria ao meu,
No primeiro dia de Janeiro.
*
Já não era só as tuas mãos que eu queria,
 O destino me dava mais do que eu pedia,
Me dava o teu amor por inteiro.
*
Cristina Maria Ivens