quarta-feira, 25 de maio de 2016

Momentos

Momentos que deixam a alma apaixonada
tornando o sentimento um remoinho
um saxofone me deixou encantada
lembrando um choro de um passarinho.
Um eco vindo das montanhas
canta em coro comigo
aninha-se nas minhas entranhas
e pede-me para ser seu amigo.
Dilui a cera do meu timpano
hamonizando a minha audição
abastece com amor o meu intimo
sinto por ele uma grande paixão.
O som cai em poços e silvados
vai correndo pelo mato
sobre os ombros carregados
descalço-me e tiro os sapatos.
Corro no escuro, na noite cerrada
ficando o meu sangue a verter
caindo a cada passada
sinto o meu corpo a gemer.
Visitou-me o sofrimento
de um saxofone em melancolia
e no decorrer do tempo
eu pressenti para onde ia.
Ía para lá e para cá
a confundir o meu rumo,
o meu pensamento estava lá
naqueles momentos em que há fumo.

Cristina Maria Afonso Ivens Duarte




Sem comentários: